Dicas do Cartola – Rodada 38

Fala, galera. Chegamos ao final e vamos pra última rodada do Cartola FC 2019. Espero ter colaborado com vocês nas “Dicas do Cartola” e agradeço a todos pela disputa na “Liga do Fachina” que teve apoio da Cerveja Itaipava, do Restaurante Ken Taki e da Barbearia Moustache. A resultado tá praticamente definido, mas vamos anunciar o campeão somente após essa rodada. Na rodada passada mandamos bem no nosso “Capitão Ken Taki”, mas perdemos pontos importante com o goleiro Tadeu, do Goiás, e com alguns jogadores que acabaram ficando de fora, como Geromel e Alisson, do Grêmio. Com os 26 pontos dobrados de Gabriel e mais alguns bons pontuadores, como Arrascaeta, o Jaguatirica FC somou 79 pontos. O melhor da rodada na liga foi o Bruno.Coritiba, do Bruno Mertens, com 123 pontos. A liderança absoluta segue com o Adriano Rattmann, do Cerveja Bendicta, com 3.052 pontos. Vamos pro último “Dicas”.

Goleiros
Na rodada passada ousei com Tadeu, do Goiás, e justamente nesse jogo o Palmeiras resolveu desencantar e marcou logo 5 gols. Mas, nessa rodada ele vai mitar e fechar o ano em alta. Aliás, tô apostando tanto num excelente desempenho do TaDeus que ele será nosso “Capitão Ken Taki”. Ousado, mas vai dar certo. O Goiás recebe o Grêmio e ele vai segurar a onda. O segundo nome pro gol é Gatito Fernandez, do Botafogo. O time carioca recebe o Ceará precisando pelo menos empatar pra ficar na Série A e ele deve ser exigido. O Vozão já cedeu 9 defesas difíceis nos últimos cinco jogos como visitante. Pra fechar temos uma baita aposta num jogo de risco. Diego Alves, do Flamengo, foi poupado contra o Avaí e deve enfrentar o Santos, na Vila Belmiro. O jogo ainda vale o vice pro Peixe e, por isso, ele deve trabalhar muito. Como mandante, nos últimos cinco jogos o Santos obrigou os goleiros adversários a fazerem 17 defesas difíceis. Mais nomes: Léo, do Athletico, e Fernando Miguel, do Vasco.

Laterais
Rodada complicadinha pra posição, mas vamos lá. Abro com Fágner, do Coritnhians. Todos sabemos da instabilidade do Timão, mas agora já garantido na Libertadores talvez faça um jogo mais tranquilo contra o Fluminense e sem levar gols. Filipe Luís, do Flamengo, foi preservado na última partida e deve atuar contra o Santos. Não é certeza de SG, mas deve pontuar bem nas roubadas de bola. Do lado do Peixe temos Victor Ferraz que deve atuar. Também é zero garantia de chance de segurar o SG, mas pode aparecer bem no ataque. Pra fechar temos os nomes do Palmeiras. O Palestra pega o desesperado Cruzeiro fora de casa e tô achando que esse jogo vai ser um belo 0 a 0. Marcos Rocha e Diogo Barbosa podem ser boas dicas numa rodada sem grandes nomes da posição. Mais alternativas: Rafinha, do Flamengo, Igor Vinícius, do São Paulo, e Khellven, do Athletico.

Zagueiros
Como falei, as laterais não apresentam grandes opções pra rodada, por isso vou com 3 zagueiros. Temos nomes melhores na posição. Começo com Victor Cuesta, do Inter. O zagueirão negativou na rodada passada e foi uma bela decepção. Mas, na partida em casa contra o Atlético/MG deve pontuar bem. O segundo nome é Rafael Vaz, do Goiás. O time goiano recebe o Grêmio num jogo bem duro, mas tô acreditando em roubadas de bola e naquela faltinha que ele bate e guarda. O Corinthians fecha a temporada diante de seu torcedor e recebe o Fluminense. Tem obrigação de fazer um bom jogo. Vamos escalar Gil. Zagueiro seguro e com média bem boa pro cartola. A última opção é Pedro Henrique, do Athletico. O Furacão vai enfrentar o Avaí, em Floripa, mas mesmo fora de casa é favorito contra um time fraco. Deve vencer. Mais nomes: Leandro Castan, do Vasco, e Gabriel, do Botafogo.

Meias
Arrascaeta não aparece entre os prováveis titulares do Flamengo, mas isso pode mudar. Vale dar uma olhada e, se ele for pro jogo contra o Santos, deve estar na sua equipe. Um meia do Santos também é uma boa opção pra rodada. Temos Carlos Sanchez, melhor média depois de Arrascaeta nessa rodada, e Soteldo. Os dois são bons nomes, até porque aposto num jogo cheio de gols na Vila Belmiro. Temos também Léo Sena, do Goiás. Já são 89 roubadas de bola no Brasileiro em 31 jogos, quase uma média de 3 por jogo. É muita coisa. O esmeraldino recebe o Grêmio e quer fechar bem o ano junto com seu torcedor. Rodrigo Lindoso, do Inter, também é boa dica. O Colorado já está na Libertadores, mas precisa acabar o ano deixando uma boa impressão. Recebe o Galo e pode vencer a partida com boa atuação do meia. Raul, do Vasco, também é bom nome. O Cruzmaltino já tá na Sul-americana do ano que vem e na partida contra a já rebaixada Chapecoense vai fazer um jogo leve e vencer sem dificuldades. Mais opções: Felipe, do Fortaleza, e Alex Santana, do Botafogo.

Atacantes
A dupla infernal do Flamengo tá confirmada pro jogo. Ao que tudo indica Gabriel e Bruno Henrique vão enfrentar o ex-clube. Quando ambos estão confirmados tem que jogar a moeda pra cima e deixar escolher. Ou escalar os dois. Como já escrevi, acredito num jogo cheio de gols na partida com o Santos. Por isso, pode valer também a aposta nos atacantes do Peixe. Marinho e Eduardo Sasha devem começar a partida e você pode colocar um dos dois pra mesclar com os atacantes do Flamengo. Terceiro nome pode ser Paolo Guerrero, do Inter. Não foi um grande ano do Peruano, mas na partida contra o Atlético/MG ele pode se despedir com um golzinho. O Fortaleza recebe o Bahia e o atacante Wellington Paulista é bom nome pro ataque. Também temos com aposta pra posição Dudu, do Palmeiras. Vai enfrentar seu ex-clube no desespero. Dudu parece ter acertado as coisas na vida particular nos últimos dias e voltou a fazer gols. Outra boa aposta é o novato Verón, também do Palmeiras. O menino mostrou personalidade e já deixou dois gols na última rodada. Aparece como dúvida, mas pode começar o jogo em BH. Pra fechar temos Michael, do Goiás. Um dos melhores atacantes do campeonato, faz seu último em casa e pode até ser uma despedida definitiva dele. Como foi muito bem no ano, despertou interesse de outros clubes e pode deixar o time goiano. O jogo é duro com o Grêmio, mas ele pode se destacar. Outros nomes: Marrony, do Vasco, e Janderson, do Corinthians.

Técnicos
Não tem um time superfavorito pra essa rodada, por isso a tarefa de escolher um técnico não é das mais fáceis. Partindo da ideia de que o time não deve tomar gols, vou escalar o “pofexô” Luxemburgo. A Chapecoense não quer mais nada com o campeonato e o Vasco deve vence segurando o SG.

Capitão
O nosso “Capitão Ken Taki” pra essa última rodada é uma aposta. Talvez até leve gol, mas Tadeu, do Goiás, vai ter trabalho no jogo com o Grêmio e como sempre faz defesas difíceis, vamos acreditar numa mitada final do guapo.

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter